• tecodicacareco

Você sente CULPA, REMORSO ou VERGONHA?

Isso faz com que muitas vezes você se sinta desrespeitado com relação ao seu trabalho?


Estava esses dias em grupos de artesanato, grupos da Pintura Country e também fotografia (minha segunda ocupação) e percebi que a maior reclamação é a mesma em ambos os grupos:

Clientes abusivos / artistas melancólicos.

E percebi, lendo os relatos, que a maior culpa desse sentimento é o fato do artista em questão não saber dizer NÃO ao seu cliente, com medo de perdê-lo, com medo do cliente difamá-lo.

E vou te contar um segredo! Para clientes assim, você pode dar o mundo que ainda sim você não será suficiente para ele.

Existem pessoas, e agora falo de relações gerais, que são tóxicas, negativas, aproveitadoras. Essas pessoas não vão sentir culpa alguma de tirar proveito de você. Por que você deveria sentir culpa então de demitir pessoas assim da sua vida? Não há o que você faça que vai agradar. Um cliente tóxico vai minar sua energia, sua criatividade, sua vontade de trabalhar.

Pense o quanto você luta pra conseguir superar as adversidades de uma profissão instável como a nossa.


E pensando nisso tudo, eu posso te dar 3 dicas para que você comece hoje mesmo a treinar o NÃO que vai te libertar de amarguras, de se sentir violentado emocionalmente (e muitas vezes financeiramente), de se auto fazer respeitar:


1- Encare seu trabalho artesanal como uma EMPRESA!!! Mesmo que ela seja a sua mesa da sala de jantar.

Isso mesmo! Pense que ninguém chega em um supermercado e sai fazendo o que bem entende não é?

Então por quê você deixaria seu cliente ditar as regras as quais você não concorda?


2- Pense que poucas pessoas tem o privilégio de trabalhar com aquilo que ama!

Então, tem que ser prazeroso primeiro pra você mesmo.

Dizer NÃO às vezes faz parte do carinho que você precisa ter com você e com o seu trabalho.


3- Faça realmente uma avaliação geral da situação de acordo com a sua realidade. O NÃO de agora te trará SIM a longo prazo?

O que eu quero dizer com isso? Por exemplo: eu já cheguei a dispensar trabalhos porque eles interfeririam em um cronograma de projetos meus que me trariam mais lucro num futuro. Se eu aceitasse o trabalho só pensando no dinheiro imediato, o meu projeto ficaria cada vez mais distante, e ele me renderia 3x mais.

Também já dispensei clientes apenas pelo fato da relação comercial não me trazer ganho emocional, clientes que causam tantos dissabores, que é melhor demití-los e prezar pela sua sanidade mental.


Dizer NÃO às vezes vai ser muito mais benéfico do que o dinheiro que um cliente assim te traz. Lá na frente sua paz de espírito te trará produtividade e ganhos em dobro!

Pense nisso, avalie a situação, e se dê o valor que você merece!


Conta aqui, você já aprendeu a dizer NÃO sem remorso?








12 visualizações

VENHA PARA NOSSA LISTA VIP!

Quer saber em primeira mão das promoções,
novos produtos e descontos?

Deixe seu e-mail e avisaremos sempre que tivermos novidades!

®

® TECO DI CACARECO. Marca registrada no INPI. Proibida a cópia e reprodução. Lei de Direito Autoral 9.610.